As medidas mais restritivas adotadas pela prefeitura de Salvador para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus (SARS-Cov-2), que causa a Covid-19 não afetam os serviços de vacinação, urgência e emergência veterinária que poderão continuar funcionando normalmente nas localidades onde as ações são realizadas.

A prefeitura atendeu a um pedido do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Bahia (CRMV-BA), feito com o apoio do deputado estadual e médico-veterinário Tiago Correia, para garantir os cuidados com a saúde pública, animal e ambiental, caracterizado pela saúde única. O Decreto autorizando os serviços foi publicado em edição especial do Diário Oficial do Município de terça-feira (12).

Atualizada às 11h50*

O prefeito da capital, ACM Neto, anunciou nesta quinta-feira (14),  durante coletiva para a imprensa, que os serviços de Petshop nas áreas com restrição podem funcionar de portas fechadas pelo sistema de delivery, sem a circulação de pessoas dentro dos estabelecimentos.

2 thoughts on “Prefeitura mantém serviços veterinários em áreas com restrições em Salvador

  1. A prefeitura está descumprindo o acordo feito com o CRMV-BA e está fechando petshop de clínicas veterinárias e lojas de ração e medicamentos como Agromix e similares, recebi está denúncia agora, pois as ações da prefeitura para o fechamento desses estabelecimentos estão acontecendo agora (14/05/202 por volta de 13:30h). Donos de clínicas estão confirmando isto. É dever deste Conselho tomar atitudes legais para impedir esse absurdo, as pessoas precisam comprar ração para alimentar seus animais e medicamentos também.

  2. Só retificando a data do meu primeiro comentário , os fatos narrados ocorreram em 13 /05/2020 (hoje) e não 14/05/2020, cometi um erro de grafia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.