O Sistema Conselho  Federal de Medicina Veterinária e Conselhos Regionais de Medicina Veterinária,  CFMV-CRMVs, foi criado pela Lei 5.517 de 23 de outubro de 1968.

No  livro Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Bahia – Relato Histórico- 1969 – 2013, do  MV Geraldo Vinhães Torres lemos que o CRMV/BA foi criado em 28 de julho de 1969  e originalmente recebeu o nome de Conselho Regional de Medicina Veterinária nº 10, englobando Bahia e Sergipe. O estado vizinho  emancipou-se conforme Resolução CFMV nº 362, de 11 de dezembro de 1981.

A organização do então CRMV 10 foi capitaneada pela diretoria  da Sociedade de Medicina Veterinária da Bahia que organizou a primeira eleição da entidade que teve inscrições de três chapas.

A diretoria vencedora ficou formada assim:

Moacyr Dunham de Moura Costa                    CRMV-10 0001         Presidente

José Carlos Bahia Ribeiro Dantas                    CRMV-10 0002         Vice-Presidente

Orlando Bastos de Menezes                              CRMV-10 0003         Secretário Geral

José Quirino Câmara                                          CRMV-10 0004         Tesoureiro

 

A primeira gestão começou em 13 de setembro de 1969 e após a administração do MV Moacyr Dunham de Moura Costa, o CRMV 10, foi dirigido por outros médicos veterinários, em um total de 14 mandatos e 07 administrações intermediárias por motivos diversos de vacância da presidência. No total,  15 médicos veterinários ocuparam esta responsabilidade.

Envolvida com o CRMV/BA  desde a gestão  2003 – 2006, quando foi eleita secretária geral, a atual presidente,  professora da EMVZ- UFBA, Ana Elisa Almeida,  tem vivência em diversas entidades ligadas à Medicina Veterinária e vê com otimismo as conquistas do CRMV/BA para a classe médico-veterinária e zootécnica.

Ela ressalta que há uma confusão muito grande sobre o papel de um Conselho de classe e um sindicato. Muitas vezes os profissionais trazem demandas laborais  para o Conselho, cujo papel é zelar pela Medicina Veterinária e pela Zootecnia, vigiando o bom exercício profissional. Mas ainda assim, ela explica, o CRMV/BA não se furta em orientar, esclarecer e às vezes, quando encontra amparo legal, prestar  apoio.

Com 5.698 médicos veterinários e zootecnistas inscritos, a MV Ana Elisa Almeida avalia sua gestão como uma grande iniciativa para tornar cada vez mais forte  a presença dos zootecnistas  no Conselho.

Nos últimos anos, o CRMV/BA vem se destacando por ser, cada vez mais, um ator respeitado no cenário da saúde e da agropecuária do estado, pois entende que as políticas públicas desses setores  podem ganhar maior eficácia usando os conhecimentos da Medicina Veterinária e da Zootecnia, beneficiando as pessoas, as empresas  e os animais.

Bibliografia:

TORRES, Geraldo Cezar de Vinháes

 

Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Bahia – Relato Histórico. 1969 – 2013. Geraldo Cezar de Vinháes Torres – Salvador. Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Bahia, 2014.

=-=-
Ascom CRMV/BA, 27 de julho de 2017

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.