Manifestando indignação com o comentário do apresentador e repórter Fred Ferreira, o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Bahia (CRMV/BA), protesta contra a  frase  inadequada dita por ele hoje (29/03), durante o telejornal Bom Dia DF 1ª edição.

Sem conhecer o trabalho nas mais de 80 áreas da Medicina Veterinária,  durante uma matéria sobre a vacinação dos profissionais de saúde, afirmou que “é difícil de engolir o médico-veterinário”. Entendemos que isso não é maldade ou preconceito, isso é ignorância. E como ignorância se trata com informação e educação, informamos que:

O médico-veterinário é profissional de saúde e sua atuação é vital no controle das zoonoses e endemias, na inspeção de alimentos,  na saúde ambiental, na saúde animal e, pasmem, na saúde humana. O Médico e Cientista Louis Pasteur, foi autor da seguinte frase, hoje um axioma: “o médico cura o homem, o médico-veterinário cura a humanidade”. O que ele quis dizer com isso? Que ao cuidar da saúde animal e da qualidade e inocuidade dos alimentos, ao cuidar da saúde da fauna do meio ambiente e ao cuidar das zoonoses e endemias que acometem animais e o homem, o médico-veterinário zela pela saúde da humanidade.

Garantir que os médicos-veterinários sejam imunizados é de interesse da sociedade, para  a continuidade do atendimento dos serviços essenciais, seja no atendimento a domicílio ou nas clínicas, consultórios e hospitais; no controle de pragas urbanas; na saúde da fauna (animais silvestres, exóticos e selvagens); na produção de alimentos seguros em qualidade e inocuidade; nas boas práticas agropecuárias (garantindo animais de produção saudáveis); nos laboratórios de patologia clínica, de doenças de importância aos animais de produção e para a saúde pública; na pesquisa em geral; no controle das zoonoses e endemias; no NASF – Núcleo de Atendimento da Saúde da Família; entre dezenas de outras atividades privativas ou de responsabilidade da Medicina Veterinária.

Desde 1998,  o Conselho Nacional de Saúde (CNS) reconheceu o médico-veterinário como profissional da saúde, e devido a isso, esses profissionais foram convocados pelo Ministério da Saúde para ação de enfrentamento ao Novo Coronavírus dentro do programa “O Brasil Conta Comigo”.

Hoje se sabe que  75% das doenças humanas emergentes e reemergentes são de origem animal. Então mais que em qualquer outra época, a sociedade precisa do trabalho desses profissionais, para que a atual situação sanitária do país não fique ainda mais grave.

Na salvaguarda dos interesses da população brasileira o Conselho de Medicina Veterinária do Estado da Bahia defende, de forma intransigente, a vacinação prioritária dos médicos-veterinários em todo o país, e em particular na Bahia, tendo inclusive, provocado o Ministério Público para que a imunização ocorra com máxima brevidade, pois o Médico-Veterinário é profissional da saúde e seus serviços são essenciais e não podem ser paralisados.

Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Bahia – CRMV/BA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.