Neste momento de pandemia, médicos-veterinários e zootecnistas devem ficar atentos ao fiel cumprimento do Código de Ética de suas profissões.

No caso do médico-veterinário, publicidades que induzem o tutor ao erro sobre exames para coronavírus em animais não somam aos esforços para o controle da situação no país.

Divulgar informações sobre assuntos profissionais de forma sensacionalista, promocional, de conteúdo inverídico ou sem comprovação científica fere o Código de Ética da categoria. O profissional não pode se beneficiar da fraqueza, ignorância, saúde, idade ou condição social do consumidor para impor-lhe produto ou diferenciar a qualidade de serviços. É importante lembrar que o Código de Ética do Médico-veterinário (Resolução CFMV nº 1138/2016) regula os direitos e deveres do profissional em relação à comunidade, ao cliente, ao paciente, a outros profissionais e ao meio ambiente.

De igual modo, deve atentar para suas obrigações éticas, o zootecnista, de acordo com a Resolução CFMV 1267/2019.

Denuncie situações irregularidades no CRMV/BA. Todos os casos serão devidamente apurados e o profissional pode responder a processo ético-disciplinar. 
Denuncias de Processo Ético, clique aqui;
Denuncias para a  Fiscalização,clique aqui;
Denuncias de Exercício Ilegal, clique aqui.

Texto e Imagem original: CRMV/GO, com alterações da ASCOM CRMV/BA.
13 de abril de 2020

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.